ESTIAGEM | Saneaqua lança campanha “Jogando junto pela Água” para incentivar o consumo consciente em Mairinque

Concessionária “convoca” a população para entrar no time que vai mudar hábitos e “jogar” pelo bem-estar de todos na estiagem deste ano.

A Saneaqua, concessionária responsável pelos serviços de água e esgoto em Mairinque, dá início nesta semana a uma nova campanha para incentivar o uso consciente de água na cidade. A ação intitulada “Jogando junto pela água” tem o objetivo de reforçar os hábitos de consumo equilibrados, de forma ainda antecipada, já que a falta de chuvas afeta todo o interior paulista e pode agravar a segurança hídrica da região ao longo dos meses mais secos do ano.

A menor ocorrência de chuvas, que antecipou o período de estiagem de 2021, tem sido alertada pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), após os primeiros meses deste ano serem considerados os mais secos dos últimos quatro anos em Mairinque. Em seu site, a Agência monitora o avanço da seca em todo o estado de São Paulo, num alerta para a adoção de atitudes estratégicas sobre o uso racional e sustentável da água. Recomendações que têm sido adotadas pela concessionária em Mairinque com ações de um plano de contingência, iniciado ainda no verão e que segue em andamento, agora, com uma nova campanha de conscientização junto à população.

“Neste momento temos que unir esforços e agir preventivamente para enfrentar o período mais crítico da estiagem. A participação da comunidade nesse contexto é fundamental para evitar o agravamento de medidas mais restritivas ao consumo”, afirma Rodrigo Dias, diretor de operações da Saneaqua.

A campanha “Jogando junto pela água” reforça a importância da mobilização dos moradores, mostrando que pequenas ações coletivas podem trazer resultados individuais. “A proposta é que cada um reflita sobre o seu consumo e pratique o uso consciente para evitar um cenário restritivo em relação ao recurso na cidade. Neste momento, estamos convocados – concessionária e população – para um grande time que vai jogar pelo bem-estar de todos na estiagem deste ano”, explica o diretor.

Dividida em três fases, a campanha de conscientização tem início com divulgações em redes sociais, e, posteriormente, será expandida para mídias locais e ações de distribuição de folhetos, além do apoio dos leituristas da concessionária, que percorrerão as ruas da cidade vestindo a “camisa” do time proposto pela campanha.

“Jogando junto pela água é uma iniciativa planejada para levar esclarecimento e conscientização à população. Esperamos contar com o apoio de todos com mudanças de hábitos necessárias e de forma prioritária a partir deste mês em que, de fato, tem início a estiagem”, destaca Dias.

A campanha ainda terá uma página exclusiva. O site reunirá dicas e informações sobre o assunto e permitirá que as pessoas acompanhem, de forma atualizada, as condições dos mananciais de captação e os índices pluviométricos da cidade. A página está em fase final de construção e será disponibilizada para consulta no início de junho.

ESTIAGEM ANTECIPADA EM MAIRINQUE

Volume de chuvas: Desde o início deste ano, Mairinque tem o registro de 269 milímetros de chuva, volume 62% inferior ao registrado no ano passado, quando o primeiro quadrimestre acumulou 722 milímetros. É o mais baixo volume de chuvas registrado na cidade desde 2014, ano da pior crise hídrica vivenciada pela região Sudeste. Vale destacar que o mês de maio, apesar das poucas chuvas dos últimos dias, também tem se mantido mais seco que o previsto, em meio a um ano que segue a mesma característica.

O consumo de água no último mês (abril) em Mairinque ficou acima da média para o período. No período, a população da cidade consumiu 279 milhões de litros de água; 6,5 milhões de litros a mais que o consumo médio dos quatro primeiros meses do ano.

A Saneaqua lembra que mesmo com a atual necessidade de higienização e limpeza geradas pela pandemia da Covid-19, é possível utilizar a água de forma consciente. Evitar desperdícios na lavagem de calçadas e varandas e reaproveitar a água para limpeza dos quintais, são bons exemplos”, reforça o diretor.

OBS. As informações detalhadas do acompanhamento da situação de seca em todo o país estão disponíveis para consulta no site da ANA – www.ana.gov.br.