Funcionários da Saneaqua recebem vacina contra o vírus da gripe

Os funcionários da Saneaqua, empresa responsável pelos serviços de saneamento em Mairinque, receberam a vacina contra quatro tipos do vírus da gripe: Influenza A (H1N1), Influenza A (H3N2) e dois tipos de Influenza B. A imunização ocorreu no dia 14 de abril e foi realizada com horários agendados individualmente para cada funcionário na sala de enfermagem da unidade, de forma segura e intercalada para evitar aglomerações. Ao todo, 57 funcionários foram vacinados.

Os profissionais do setor de Saneamento exercem serviços essenciais e contribuem com as condições de saúde da população em meio à pandemia de coronavírus.

“Temos o compromisso de cuidar da saúde dos funcionários. Em um período de pandemia, quando tudo está muito incerto, esta imunização dará mais segurança e qualidade de vida aos nossos profissionais essenciais. Além disso, com a vacinação, reduzimos mais uma variedade de vírus em circulação na cidade e reforçamos o sistema imunológico da pessoa que recebe o imunizante”, ressalta Marli.

Em Mairinque, 34 profissionais seguem desempenhando de maneira presencial suas funções, responsáveis por garantir os serviços de abastecimento de água, afastamento, coleta e tratamento de esgoto, assim como a gestão comercial com a emissão e entrega das contas de água e esgoto nas residências. A empresa mantém seus profissionais atuando com responsabilidade e respeito à saúde e segurança para garantir a entrega dos serviços para toda a população. O uso de máscaras e orientações para manter uma distância segura das pessoas durante os trabalhos de campo são algumas das práticas adotadas.

Para os funcionários de 65 ou 66 anos, público que já começa a ser vacinado contra a Covid-19 em Mairinque a partir de 20/04, a orientação da Saneaqua, conforme indicação do Ministério da Saúde, é que aguardem o recebimento da segunda dose da vacina contra o novo coronavírus e, somente depois de 14 dias, tomem o imunizante contra as gripes H1N1 e H3N2.

“Iremos realizar a imunização desse público em uma clínica com agendamento após o período indicado pelos órgãos de saúde, de maneira adequada e segura para que recebam a imunização no momento correto”, completa a responsável pela área de Saúde da concessionária.